Páginas

sexta-feira, 21 de dezembro de 2012

ARVORE DE NATAL (Paulo Coelho)


 Imagem inline 2
 Na véspera de Natal, o viajante e sua mulher faziam um balanço do ano que estava terminado.
 Durante o jantar no único restaurante de um povoado nos Pireneus, o viajante começou a reclamar de algo que não tinha ocorrido como desejava.
 A mulher olhava firme a árvore de Natal que enfeitava o restaurante. O viajante achou que ela não estava interessada na conversa, e mudou de assunto.
 - Bela a iluminação desta árvore - disse.
 - É verdade - respondeu a mulher. - Mas, se você reparar bem, no meio destas dezenas de lâmpadas há uma que esta queimada. Mas parece que, em vez de ver o ano como dezenas de Bênçãos que brilham você esta fixando seu olhar na única lâmpada que não iluminou nada.

 COMO ESTAMOS VENDO NOSSA ÁRVORE DE NATAL?

Nenhum comentário:

Postar um comentário